31/03/08

A Casa da Palmeira





Rua Cláudio Nunes, Nº 60




Conheço-a desde miúda, quando a minha mãe vinda do emprego me ia buscar a casa dos meus avós e subíamos toda a Cláudio Nunes, até chegarmos a nossa casa.

A meio caminho desta longa rua, que termina no Cemitério de Benfica, ali ficava ela, sempre muito arranjada aesar do tempo que teimava em corroer os seus materiais.

Nunca soube quem ali morava, nem me lembro de algum dia ali ter vislumbrado alguém. Apenas a fui conhecendo sempre como a "Casa da Palmeira", devido à enorme árvore desta espécie, que compunha o desenho do seu lado esquerdo.




7 comentários:

J. disse...

alexa, essa casa é linda! ... desde a "varanda", às escadas, as janelas... esse ar abandonado... gosto tanto... fez-me pensar um bocadinho nas casas do bairro da encarnação...

gostei muito das fotos...

Alexa disse...

Muito obrigada, J.
Bjs

Lena Pombinho disse...

Alexa: Estão lindas as fotos. Não me lembro desta casa mas também não subo/desço a Cláudio Nunes há séculos.
Obrigada Alexa por me mostrares partes de Benfica por onde não passo há tanto tempo. E posso dizer que já aprendi e relembrei aqui neste blog, muita coisa.
Bjs.

Alexa disse...

Lena: não precisas de agradecer, amiga!
Nós é que temos aprendido muito contigo e com outras pessoas que aqui nos têm deixado as suas lembranças da vida em Benfica...
O Mercado foi apenas o impulsionador da "coisa" ;)

Lena Pombinho disse...

Oohhh, estou-me a babar!!! ;))

Bjs.

Cecilia disse...

alexa: Na primeira casa morou um dos sócios da pastelaria Girassol de Benfica. Faleceu já há muitos anos.
Na outra morava uma senhora alta e magra, sempre vestida de preto.

Alexa disse...

Cecília: é mesmo muito bom termos aqui pelo Mercado gerações tão diferentes e com memórias únicas, que nos ajudam a "re-construir" a história destes lugares.
Muito obrigada pela informação!