28/02/10

“O túnel” ou "A passagem"


Este lugar é de passagem (quase) obrigatória para quem vive na Rua Montepio Geral. Chamamos-lhe “O túnel”. Durante muito tempo esteve fechado, não sei o que havia lá dentro, talvez pertencesse à “oficina do Zé” e um dia decidiram abri-lo. A vizinhança correu para ver como era, uns seguiam por ali naturalmente, outros espreitavam a medo e seguiam pelo caminho do costume… mas logo o lado prático fez com que fizesse parte do nosso percurso diário. Ao inicio parecia um lugar sujo, mas alguns moradores foram pintando os prédios e os muros à volta e começou a ficar com melhor aspecto. Com o tempo fizeram uma rampa para as pessoas com mobilidade reduzida, vieram os pombos e o que parecia inicialmente uma espécie de pátio interior acabou por ser de todos.

Mas à noite as coisas podem tornam-se estranhas… é um sitio escuro e de recantos e, por isso, por vezes, vemos por ali grupos de pessoas menos agradáveis, aparecem com frequência coisas escritas na parede, cheira a mijo de quem passou por ali e encontrou um lugar discreto para se aliviar. outras vezes vêem-se por ali namorados muito colados…


E depois noutras ocasiões ainda é lugar propicio a outras coisas, como no Carnaval, por exemplo… há balões de agua que voam das janelas sem que tenhamos tempo de ver de onde vêm… no Outono as folhas do chão misturadas com a chuva colam-se aos sapatos…


Apesar de tudo (e alguns dirão que sou doida) há aqui um silencio especial aos fins de semana. Aos sábados cheia a roupa lavada e vemos uma parte da vida das pessoas estendida à janela…

e na primavera há um cheiro dos primeiros dias quentes, um cheiro forte das primeiras flores misturado com o ar morno….
Por isto tudo cheguei, por vezes, a achar este lugar quase agradável e cheguei a pensar que o podiam tornar ainda mais agradável se ali fizessem uma esplanada.

… mas acho que gosto deste lugar… sobretudo na primavera e no Outono ao fim da tarde, quando o dia começa a desaparecer...

7 comentários:

Nokas disse...

Fantástico post...
De facto, Benfica tem um potêncial que poucos Bairros de Lisboa conseguem.

É por isso que ainda não desisti de viver por cá...

Bj

J. disse...

;)

fico contente que tenhas gostado, nokas! ;)

moras em benfica ou são domingos de benfica?

Maria, Simplesmente disse...

J:
Deixei um comentário acima em nome de T. As minhas desculpas, mas nestas redes de amigos acabamos por não repararmos onde estamos. As minhas desculpas.

Quem gosta de lugares como estes gosta de Lisboa, A lisboa franca, sincera, a Lisboa "menina e moça" que não se importa de se vestir de gala e calçar saltos altos, como de os descalçar e calçar chinelas.
Muito bom estas vossas descrições de Lisboa.
Bom fim de semana
Maria

J. disse...

não tem importância! ;)

obrigada mais uma vez pelas simpaticas palavras!

HR disse...

Pois é...a passagem...Aquela passagem era utilizada pelos inquilinos do prédio que fizeram dela um "cubículo", como se dizia por aí na altura. A parte que dava para a estrada de benfica tinha ervas bravas altissimas...depois tudo mudou e as pessoas já não necessitam de "dar a volta". Abraço atado e obrigada pelas memórias

HR disse...

Pois é...a passagem...Aquela passagem era utilizada pelos inquilinos do prédio que fizeram dela um "cubículo", como se dizia por aí na altura. A parte que dava para a estrada de benfica tinha ervas bravas altissimas...depois tudo mudou e as pessoas já não necessitam de "dar a volta". Abraço atado e obrigada pelas memórias...

J. disse...

pois é HR, durante muito tempo desciamos a inacio de sousa para ir ter à montepio geral :)

obrigada pela visita, regresse sempre e se tiver memorias para partilhar é com todo o gosto que as publicaremos :)

um abraço